Public Enemy mete o pé no racismo

Aqui o preconceito não tem vez

Imagem: divulgação

Gostou? Compartilhe:

“Fear of a Black Planet” é um disco seminal do Public Enemy.

Lançado em 1990, o álbum mete o pé na porta com críticas sociais que viraram clássicos do rap, como 911 Is a Joke e Fight the Power.

O álbum tem uma faixa homônima que questiona o racismo escancarado na sociedade. “Considere-me negro até o osso. Tudo o que eu quero é paz e amor neste planeta”.

Ouve esse som:

A SOWETO é uma organização negra que combate o racismo no Brasil. Clica no botão pra saber mais.

Gostou? Compartilhe:

Veja também...

Revolution Radio