Distillers e o Punk Rock que salva vidas

Em “Sick of it all”, Brody Dalle conta como o Punk Rock salvou a sua alma

Foto: Via Tumblr
Gostou? Compartilhe:

Às portas dos anos 2000, Brody Dalle surgiu para sacudir a cena punk rock.

Dona de uma voz icônica e avassaladora, a líder do Distillers fez tremer os palcos por onde passou com uma mistura de punk progressivo e rock alternativo feroz e suas letras sinceras sobre dramas e experiências pessoais.

Em “Sick of it all”, faixa do álbum Sing Sing Death House, de 2002, Brody fala sobre anorexia, solidão, depressão e outros dramas adolescentes que podem parecer banais à primeira vista, mas também são capazes de gerar a piores consequências.

A válvula de escape pode estar no punk. Ou, como diz a Brody, “we are kids, we play punk rock and roll, if we didn´t we got no soul”.

O som pode não ser punk, mas a música também tem salvado os jovens de baixa renda atendidos pelo Instituto Hatus. Confira mais sobre o projeto no botão.

Instituto Hatus

O Instituo Hatus promove cursos de música, canto coral, intrumentos de orquesta para crianças e adolescentes de baixa renda, minimizando a ociosidade e combatendo a exposição juvenil á violência e drogas. 

Gostou? Compartilhe:

Veja também...