Living Colour tem orgulho da história negra

Já passou da hora de contarem a verdade

Foto: Foto: Travis Shinn
Gostou? Compartilhe:

O Living Colour defende a cultura negra com muito orgulho.

Em “Pride”, faixa do disco Time’s Up lançado em 1990, a banda de funk metal rebate os conceitos racistas e atrasados que tentam diminuir o valor da cultura e das civilizações africanas.

“Nossa cultura é grande, então você abusa dela. Entenda, eu sou um homem igual a você”

Quando se fala sobre cultura negra, muitas vezes a história é uma mentira ensinada na escola. Ouve aê:

Educafro

Rede de Pré Vestibulares Comunitários, Bolsa de Estudo em Graduação e Pós-Graduação. Educação para Afrodescendentes e Carentes.

Gostou? Compartilhe:

Veja também...