Os Dicks odeiam a polícia

Um dia ruim já é motivo para matar

Foto: Reprodução: Maximum Rocknroll
Gostou? Compartilhe:

O Texas é um dos estados mais conservadores dos Estados Unidos. E foi justamente por lá que os Dicks apareceram para revolucionar a cena toda.

The Dicks não só era uma banda de hardcore punk atuando no celeiro do country music, como também um grupo liderado por um homossexual assumido que fazia discurso anti-homofobia lá no início dos anos 1980.

Comandados por Gary Floyd, uma referência para o Queercore e o Homocore até hoje, os Dicks falaram contra a violência policial, militaram contra a eleição do conservador Ronald Reagan e ainda produziram um som absolutamente inovador para a época, com muito barulho e experimentalismos.

“Dicks Hate The Police”, single lançado em 1980, é um dos grandes clássicos da banda. Na letra, o vocalista Gary Floyd ironiza aquele policial que é orgulho de seu filho, mas ganha a vida matando nigerianos e mexicanos só porque teve um dia ruim. A música ganhou um cover do Mudhoney em 1989.

Saca só esse som:No Brasil, a polícia também mata sem justificativa. E a preferência é por jovens negros da periferia. O movimento Jovem Negro Vivo quer mudar essa história. Clica no botão pra saber mais.

Jovem Negro Vivo

É a campanha da Anistia Internacional para mobilizar a população contra o assassinato da população jovem negra do Brasil. Você também pode participar.

Gostou? Compartilhe:

Veja também...