Previsão do tempo para o Maximus Festival: chuva… de sangue!

O Slayer vai tocar no Maximus Festival próximo sábado. Dá o play em “Raining Blood” e aprende que a chuva de sangue existe mesmo.

Foto: Via www.musicattitude.it
Gostou? Compartilhe:

O Slayer está chegando para tocar próximo sábado no Maximus Festival, em São Paulo. Quem é fã da banda thrash dos anos 80 já espera que a previsão do tempo seja de chuva de sangue.

Raining Blood” é a música mais pesada do disco mais pesado da banda mais pesada do mundo. Os surdos esmurrados pelo baterista Dave Lombardo e os reverbs das guitarras de Kerry King e Jeff Hanneman criam a introdução mais sombria do heavy metal. A letra, berrada por Tom Araya, se refere a alguma alma rejeitada no purgatório anunciando sua vingança com a tempestade vermelha.

O que você talvez não saiba é que existem muitos relatos de chuvas de sangue reais. Durante a idade média, eram considerados péssimos presságios. Mais recentemente descobriu-se que alguns são fenômenos naturais, atribuídos a poeira e bactérias. Mas a maioria desses fenômenos são causados, claro, pela poluição, como resultado da ação do homem.

Para começar o esquenta até o Maximus, curte o Slayer massacrando com “Raining Blood” ao vivo aí embaixo, e depois começa a acompanhar o Greenpeace nas atividades para a preservação do meio ambiente.

Greenpeace

Atua na preservação do meio ambiente e desenvolvimento sustentável.

Gostou? Compartilhe:

Veja também...