Specials não passa pano pra machista

O novo ska do caras é pedrada no som e na ideia

Specials tocando ao vivo 2019
Foto: banda Specials com Saffiyah Khan em apresentação ao vivo, 2019
Gostou? Compartilhe:

Entre idas e vindas, dissoluções e retornos, brigas e novas formações, a lendária banda Specials chega em seus 40 anos de estrada. Pra mostrar que continuam mais atuais e relevantes que nunca, lançaram no começo deste ano “Encore”, novo álbum. Em um mundo ainda injusto e preconceituoso, os caras continuam fazendo questão de não passar pano pra babaca.

Dando continuidade às críticas sociais e políticas que permeiam os acordes de seu icônico ska, os Specials derradeiros (Terry Hall, Lynval Golding e Horace Panter) agora se juntaram à ativista Saffiyah Khan, que ficou famosa por peitar de frente o grupo de extrema direita English Defence League (EDL) em uma manifestação em Birminghan, na Inglaterra.

O resultado da parceria é a faixa “Ten Commandments”, um hino contra o machismo. O título é uma alusão à música homônima de Prince Buster, um dos precursores do ska, cuja letra descreve como as mulheres devem se submeter à seus maridos. Com uma batida dub, Saffiiyah profere na letra os 10 mandamentos feministas, incluindo cagar para rótulos como feminazi, não se submeter à padrões de beleza ou regras de vestimentas impostos por uma sociedade machista – e inclusive não ouvir as músicas de Prince Buster ou de qualquer um que diminua as mulheres.

Sente o peso da melodia e da mensagem nessa pedrada do Specials:

Respeita as mina! Começa sacando o trampo da revista Azmina na busca de um mundo mais igual, clicando aí embaixo.

AzMina

Instituição sem fins lucrativos que usa a informação para combater diversos tipos de violência que atingem mulheres brasileiras, considerando as diversidades de raça, classe e orientação sexual. A ONG mantém a publicação online Revista AZMina.

Gostou? Compartilhe:

Veja também...